Onde tu andas Conab-AM? Num país de fome e de baixa renda não podemos deixar isso acontecer…

Opinião/Informação:

Onde tu andas minha Conab? Vamos sair do Distrito Industrial e procurar conhecer o que vem acontecendo no mercado. Essas imagens se enquadram, perfeitamente, no instrumento chamado de COMPRA DIRETA do PAA. Peixe popular, o nosso jaraqui, dando na canela como diz o caboclo, SEM TER PRA QUEM VENDER, MAS COM UM MONTE DE FAMÍLIAS SEM TER O QUE COMER em MANAUS.

Lembro que, no passado, compramos 600 toneladas em parceria com o Estado, Mesa Brasil, grupos formais, pescadores e Conab. É só COPIAR e COLAR. Simples! Tem técnicos na casa que sabem o caminho, mas sem o comando, sem a informação vindo da gestão não podem fazer nada. Adequamos com o aval da diretoria o normativo até com publicação no Diário Oficial.

Esse peixe quando encontra mercado está saindo ao preço de R$ 20 o CENTO do jaraqui. Inaceitável! Com os áudios e vídeos que recebi, fica fácil perceber que não tem para quem vender. Cadê a Central de Beneficiamento de Produtos Regionais em Manaus? Uma pauta para os prefeituráveis e vereadores.

Cadê a CONAB para fazer PAA/COMPRA DIRETA com esse peixe popular altamente consumido, gostoso, excelente valor proteico e muito mais? E sem mercado para o pescador artesanal.

O deputado estadual Sinésio, do PT, do combate à fome, que deve ter indicado o comando da Conab, tem que cobrar uma atitude mais proativa do comando. Cadê o CONSEA? Já viu isso ou tá só fazendo política partidária? Não tá fazendo nada? Se tiverem fazendo, me mandam que eu divulgo.

Vou poupar a ADS nesse comentário, mas também poderia fazer alguma coisa. Pelo menos procurar e reunir com a CONAB, bancar o beneficiamento (lavagem e congelamento).

E a bancada federal? Os aliados do atual governo federal. Não vão fazer nada? Vão deixar estragar, vão deixar o pescador receber essa miséria. Vão deixar o dinheiro seguindo para ONGs e não uma central de beneficiamento na capital?. A Conab tem instrumentos de apoio a comercialização para esses momentos de pique de safra, mas se a regional não disser onde “dói” quem vai ficar sofrendo é o pescador artesanal.

Ao Pedro Neto, aos que colocaram esses vídeos e imagens em vários grupos, vamos aguardar alguma ação da CONAB.

Veja vídeos, audios e fotos.

Fica a dica!

THOMAZ RURAL

Participe do nosso grupo no Whatsapp e seja o primeiro a receber as notícias do blog ThomazRural!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Participe do nosso grupo no Whatsapp e seja o primeiro a receber as notícias do blog ThomazRural!


%d blogueiros gostam disto: