Não entendo o enfraquecimento da CEPLAC pelo MAPA. Está desgovernada…

Continua após a publicidade..

Opinião:

Continua após a publicidade..

Sempre fui e continuo sendo fiel defensor da CEPLAC e da cacauicultura nacional. Com todos os entraves, a produção vem aumentando no Amazonas e com bons resultados, tanto para as pequenas indústrias como para pequenos produtores rurais.

Continua após a publicidade..

Alguns produtores rurais nem mais precisam do apoio da PGPMBio, o que é bom, pois significa que estão sendo bem remunerados.

Continua após a publicidade..

Abaixo, divulgo documento com 28 itens que demonstram a importância social, econômica e ambiental da CEPLAC. Só não estou entendendo é o enfraquecimento no âmbito do MAPA, com orçamento menor que muitas ONGs. Isso não pode, é uma cultura que envolve milhares de pequenos produtores no Amazonas e no Brasil. São mais de seis décadas de conhecimento e muito trabalho que precisam ser respeitados e valorizados.

Quando esteve na presidência do IDAM, o Valdenor Cardoso incluiu, corretamente, o cacau entre as prioridades, passando de 21 para 22 cadeias produtivas prioritárias. É incontestável a ligação do Bolacha com o cacau, com a Ceplac, portanto, este espaço fica aberto para sua contribuição ao tema e ao fortalecimento de uma instituição importante ao país.

THOMAZ RURAL

Continua após a publicidade..

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



%d blogueiros gostam disto: