Que “cascudo” nos deu o pecuarista Isandrey Azêdo vencendo prêmio nacional do AGRO!

Continua após a publicidade..

Opinião:

Mais de DUAS MIL visualizações no instagram do THOMAZ RURAL. É a força do nosso AGRO que precisa de mais apoio do executivo, legislativo, judiciário e ministério público.

Continua após a publicidade..

Que “cascudo”, que exemplo bonito nos deu o pecuarista Isandrey da Ilha Tupinambarana/Parintins vencendo a disputa do melhor queijo manteiga do Brasil. Isso mesmo, do Brasil, na EXPOQUEIJO que aconteceu em Minas Gerais.

Algumas reflexões sobre a divulgação altamente positiva do nosso Estado na mídia nacional, via o AGRO sustentável que a EMBRAPA já nos ensinou como fazer, mas alguns ambientalistas ignoram e nos travam. É o Amazonas na mídia nacional com o suor do nosso produtor rural, não com ilícitos.

  1. Vocês sabem que esse queijo manteiga que venceu a disputada nacional ainda NÃO pode ser comercializado em Manaus? Será que nossos parlamentares, o executivo, o legislativo e o judiciário sabem disso? Pois é, se quiserem comprar e comer terão que ir até Parintins!
  2. Eu sei as razões, e já falo nesse assunto há vários anos, inclusive nas minhas colunas do JC;
  3. Abaixo, vou divulgar o contato do pecuarista e vencedor da disputa nacional para os parabéns e para os interessados perguntarem diretamente dele o motivo de não poder vender o queijo dele em Manaus;
  4. Autoridades do executivo, legislativo, judiciário e MP sabem o motivo de não termos mais produtos em destaque em nível nacional?
  5. Acessem o site do Banco Central do Brasil e vejam em que colocação está o Amazonas no acesso dos produtores rurais aos bilhões do financiamento rural. Essa a principal trava que sem o ZEE só complica ainda mais;
  6. Eu tenho os dados, foram divulgados na última quinta no auditório da FIEAM durante encontro do CADAAM promovido entre FAEA e FIEAM. Divulgados pelo BASA, BB e AFEAM;
  7. Aproveito para sugerir ao executivo, legislativo, judiciário e MP que solicitem aos agentes financeiros o valor que aplicaram no Amazonas neste ano ou nos últimos 5 anos. Comparem com os estados vizinhos do mesmo bioma. Vão ficar surpresos, lá anda, aqui não!

O “cascudo” também serve pra mim, não estou jogando a culpa nos outros. Quero, apenas, com essa postagem, mostrar que existe um AGRO forte e sustentável no Amazonas que alguns querem esconder, ignorar, travar e acabam fazendo aumentar a pobreza que já chega a quase 60%.

Continua após a publicidade..

Participem mais dos eventos do AGRO do Amazonas. No executivo, a área ambiental está mais distante do AGRO do que o planeta marte, e não tem força para mudar esse cenário desde 2003. No legislativo ainda com poucos defensores, nenhum com o DNA exclusivamente AGRO. O judiciário também muito distante. Idem o Ministério Público. Alguns podem dizer, mas o que tem o judiciário com AGRO? E o MP? Muita coisa, AGRO é soberania e segurança alimentar, AGRO é saúde, educação e segurança. O AGRO é que pode reduzir a pobreza que já bate na porta dos 60% com fome.

O cidadão com FOME pode cometer loucuras e sermos vítimas. Entendam isso!

Nossos ambientalistas desde 2003 não conseguiram ganhar UM CENTAVO com o nosso VERDE, com a FLORESTA EM PÉ em prol dos 60% com fome. E os recursos recebidos sob necessária investigação. Colaboradores da FAS já comandam a área ambiental do estado por longos 10 anos. Nada contra a origem, mas temos um mineiro e carioca no comando da área ambiental do Amazonas por mais de 10 anos. Já contribuíram, já chega dos governadores se impressionarem com o relacionamento internacional e a captação de recursos. O que adiantou esse relacionamento e os milhões? Aumentamos em 20% a pobreza nos últimos 4 anos. Lembrando que o Wilson recebeu o estado com metade na pobreza. É hora de deixar para um caboclo da UFAM, UEA ou IFAM que certamente saberão manter o relacionamento internacional, captar recursos, mas com ganhos sociais e econômicos.

Continua após a publicidade..

Faz sentido ter uma pobreza crescente com tanta riqueza no Amazonas? Lógico que não! OUÇAM O NOSSO AGRO, É A ÚNICA SAÍDA QUE TEMOS, EM PERFEITO CONVÍVIO COM O MEIO AMBIENTE e com o modelo econômico do PIM/ZFM.

Que belo exemplo ISANDREY (99144-4350! Acho que deverá tocar em mais pessoas, teremos mais aliados e garantia da nossa SAN.

Abaixo, nota da FAEA!

Continua após a publicidade..

Não deixem de ver o vídeo do momento em que foi anunciada a conquista do PRÊMIO.

THOMAZ RURAL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



%d blogueiros gostam disto: