Esses R$ 10 milhões da SEMA dariam para presentear uns DEZ mil guardiões da floresta se fossem usados para esse fim…

Continua após a publicidade..

Opinião:

Sabendo como está a vida no interior do Amazonas jamais utilizaria R$ 10 MILHÕES para para bancar parte de um evento que ainda é pra “estudar” e “discutir” o que pode ser feito pelo guardião da floresta. Era só resgatar as ATAS dos eventos dos últimos 20 anos que está tudo lá.

Continua após a publicidade..

Mas não, a área ambiental sabendo como está a vida do caboclo dá aval para essa astronômica despesa é desumano com essa população que temos o dever de dar outra vida.

Ontem, recebi a imagem dessa antena (já conhecida) de um amigo que está bem longe da capital. Sinal perfeito, troca rápida de imagens e vídeos. Não sabia que essa ANTENA era tão eficiente.

Se eu fosse, mas não sou o titular da SEMA, jamais daria aval a essa despesa para EVENTO que deveria ser bancado 100% por países que desmataram, NUNCA com recursos que o estado poderia Ter usado, por exemplo, para comprar essas ANTENAS e disponibilizar aos guardiões da floresta para facilitar o acesso a informações e políticas públicas. Aliás, políticas públicas que desperdiçamos 40 milhões da SOCIOBIODIVERSIDADE, da PGPMBio.

Continua após a publicidade..

Lembro, quando era gestor da Conab, muitos que estão lendo este texto vão lembrar, tinha um ex da SEPROR que lutava por R$ 5 milhões do PAA ESTOQUE para a “comercialização” do pirarucu de manejo. Vi que o recursos não voltariam, não dei aval, houve revolta até do governador da época, mas disse ao presidente nacional da Conab (que depois virou meu grande amigo) que minha caneta no Amazonas não seria usada para essa liberação. Disse que ele poderia me tirar da superintendência. Felizmente me ouviu, não liberou, enviou documento ao então governador negando. O tempo passou, alguns da pesca que ainda estão na SEPROR sabem muito bem o que aconteceu. Alguns ficaram com raiva de mim, mas depois concordaram que eu tinha razão. Quem viveu essa passado de uns 10 anos sabe do que estou falando.

Se eu fosse da SEMA, mas não sou, teria dito ao governador para usar os R$10 milhões para comprar essa ANTENA, para o ZEE, mas jamais em evento que poderia ser bancado por recursos internacionais, dos Estados Unidos, França, Noruega, Reino Unido.

Eu sairia da secretaria se não fosse atendido, respeitaria a hierarquia, mas jamais seria contra essa povo que está com essas caixas no ombro. Ainda mais sabendo que já conhecemos O QUE ELES PRECISAM. As ATAS estão aí, já tivemos encontro regional da SOCIOBIODIVERSIDADE algum tempo atrás.

Continua após a publicidade..

Sendo amazonense, nascido aqui, ciente dos 60% com fome, jamais usaria minha caneta contra essa população. Respeito hierarquia, mas não faria.

THOMAZ RURAL

Participe do nosso grupo no Whatsapp e seja o primeiro a receber as notícias do blog ThomazRural!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Participe do nosso grupo no Whatsapp e seja o primeiro a receber as notícias do blog ThomazRural!


%d blogueiros gostam disto: