167 inscritos na parceira SEBRAE e Prefeitura de Benjamin Constant no âmbito do “Cidade Empreendedora” para capacitação com apoio financeiro

Cidade Empreendedora: Edital ‘Cidadão Empreendedor’ vai oferecer trilha de capacitações em Benjamin Constant

Iniciativa visa ofertar cursos de capacitação para famílias socialmente vulneráveis atendidas pela SEMAS, além de conceder recursos financeiros entre R$ 500 a R$ 4.000 para compra de materiais e equipamentos

Para fomentar o empreendedorismo e garantir renda para as famílias em situação de risco e ou vulnerabilidade social, a Prefeitura de Benjamin Constant, em parceria com o Sebrae Amazonas, por meio do programa Cidade Empreendedora, vai lançar oficialmente no dia 25 de agosto o projeto ‘Cidadão Empreendedor’, que visa ofertar cursos de qualificação profissional e incentivo financeiro para famílias socialmente vulneráveis do território e que são atendidas pela Secretaria Municipal de Assistência Social (SEMAS).

Com previsão de início das capacitações para o dia 28 de agosto, as inscrições foram realizadas no período de 31/07 a 04/08. Totalizando em 167 inscritos, sendo 42 para o curso de doces e salgados; 40 inscritos para a oficina de customização de sandálias; 37 pessoas inscritas para a capacitação de melhoramento de churrasquinho; 15 inscritos para customização de camisas; 12 inscritos para café regional; 11 para panificação e 10 para sabão caseiro. De acordo com o edital, os inscritos passarão por etapas de qualificação, sendo a primeira os cursos, seguido de orientação sobre atendimento ao cliente, organização financeira e precificação. Serão 45 capacitações oferecidas.

Para o prefeito David Nunes Bemerguy, o edital do projeto ‘Cidadão Empreendedor’ é uma cadeia de desenvolvimento econômico interligada. “Desta forma, vamos impulsionar o crescimento em nossa cidade, resultando na formalização de novos negócios e na criação de oportunidades de renda. Com isso, poderemos reduzir as desigualdades sociais presentes em nosso município”, comenta o prefeito.

No total, serão concedidos recursos financeiros e materiais na ordem de R$ 340.000, com a doação de equipamentos e/ou materiais, com valores variando entre a quantia de R$ 500 a R$ 4.000, para empreendimentos formais e informais nas áreas da indústria, comércio e serviços, desde que os empreendedores sejam beneficiados pela SEMAS..

De acordo com a gestora do território do Alto Solimões do Sebrae/AM, Karina Carvalho, o projeto tem o objetivo de promover o empreendedorismo como uma ferramenta importante para o desenvolvimento socioeconômico das famílias que serão atendidas, assim como ser um incentivo para a abertura de novos pequenos negócios no município. “O Cidade Empreendedora está atuando em Benjamin Constant para impactar positivamente na vida da população do município, então o projeto do Cidadão Empreendedor chega para incentivar. Vamos atuar primeiro com as capacitações e direcionar os empreendedores e futuros empreendedores para a concessão de recursos e equipamentos e materiais”, explica a gestora, que também pontua que tanto a secretaria municipal quanto o Sebrae/AM vão acompanhar os empreendedores.

“Serão mais de 45 capacitações, com várias turmas e vamos realizar um acompanhamento intensivo, desde a primeira etapa de profissionalização até ao processo para o recurso financeiros e materiais. Os alunos também vão sair do projeto com certificação”, a gestora acrescenta que é necessário os interessados precisam estar dentro das obrigações e responsabilidades que estão dispostos no edital.

Trilha de capacitações- O projeto Cidadão Empreendedor oferecerá uma trilha de capacitações estruturada em diversas etapas. Na primeira fase, os alunos se inscreveram em um dos cursos iniciais, como “Doces e Salgados” ou “Customização de Camisas e Sandálias”. Posteriormente, serão capacitados em temas como “Atendimento ao Cliente”, “Educação Financeira”, “Formação de Preços de Venda”, “Higiene e Manipulação de Alimentos”, “Workshop Mulher Empreendedora”, “Gestão Financeira para Serviços” e “Identidade Visual para Empresas de Serviços”.

O progresso na trilha exigirá a conclusão de todos esses cursos. Uma vez que todas as capacitações sejam concluídas, os alunos estarão qualificados para solicitar recursos financeiros. Essa abordagem visa não apenas fornecer conhecimento prático e especializado, mas também direcionar os empreendedores e aspirantes a empreendedores para obter os recursos financeiros e materiais necessários. Além disso, a trilha de capacitações têm como objetivo preparar os participantes para estabelecerem novos empreendimentos no município

As capacitações terão carga horária de 4h a 20 horas/aula, com previsão de acontecer de 28/08 a 31/10. As capacitações ofertadas são: customização de camisas, customização de sandálias, café regional tradicional, panificação caseira e industrial, sabão caseiro, melhoramento de churrasquinho, doces e salgados, como atender melhor seu cliente, oficina de educação financeira, formação de preços de venda, higiene e manipulação de alimentos, workshop Mulher Empreendedora, gestão financeira para serviços, identidade visual para empresas de serviços.

Participe do nosso grupo no Whatsapp e seja o primeiro a receber as notícias do blog ThomazRural!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Participe do nosso grupo no Whatsapp e seja o primeiro a receber as notícias do blog ThomazRural!


%d blogueiros gostam disto: