O Cidade Empreendedora do SEBRAE chegou no município de COARI

Continua após a publicidade..

Município de Coari lança programa Cidade Empreendedora

Com mais de 100 atividades, programa vai ser executado até o final do ano e no primeiro semestre de 2024

Continua após a publicidade..

Para promover ações estratégicas para o fortalecimento dos empreendimentos existente do município e incentivo aos futuros empreendedores, a Prefeitura de Coari, em parceria com o Sebrae Amazonas, lançou o Cidade Empreendedora, programa de aceleração do desenvolvimento socioeconômico. A assinatura da adesão oficial aconteceu na manhã desta sexta-feira (28/07), durante o I Workshop Cadeiras Produtivas no Amazonas, no auditório do Instituto Federal do Amazonas (Ifam), localizado na estrada Coari Itapeua, s/n, Itamarati.

Com ações prevista para os próximos cinco meses e o primeiro semestre de 2024, o Cidade Empreendedora contempla uma série de ações estratégicas que visam dar suporte aos empreendedores do município e incentivar o surgimento de novos negócios. O programa será fundamental para proporcionar um ambiente favorável ao desenvolvimento das atividades empreendedoras, alavancando a economia e gerando mais oportunidades para a população local.

A história de empreendedoras como Edilsa Rodrigues Silva, artesã há 21 anos, e sua filha Aline Bianca da Silva Sena, que encontraram no artesanato, respectivamente, uma forma de prosperar e sustentar suas famílias, é um exemplo vivo da importância do Cidade Empreendedora para a comunidade local.
“O programa representa uma oportunidade de transformar a vida de mais famílias e, sobretudo, de outras artesãs e empreendedoras do município”, conta Edilsa.

Continua após a publicidade..

Aline da Silva Lima, 28 anos, agora proprietária da primeira cafeteria de Coari, destaca que o apoio do Sebrae foi fundamental em sua trajetória, desde a formalização do negócio até a expansão de sua empresa. Ela acredita que o programa Cidade Empreendedora trará maior visibilidade para os negócios locais, melhorando a qualidade dos serviços prestados e fomentando o crescimento econômico da região.

“Para nós empreendedores do município vai ser muito bom, porque vai fazer com que a gente cresça, além de tornar os empreendedores locais mais conhecidos”, explica Lima.

Além disso, o programa também é visto como uma oportunidade de fortalecimento do empreendedorismo feminino, como ressalta Elijane Araújo, 40, empresária e Presidente da Associação de Mulheres Empreendedoras de Coari (AMEC). Para ela, a iniciativa vai auxiliar as empreendedoras locais na busca pela formalização de seus negócios e no fortalecimento de suas atuações na cidade.

Continua após a publicidade..

“Coari realmente precisa dessa parceria Sebrae e Prefeitura. Nós, como empresários, sabemos o quanto é importante nos capacitar e oferecer um bom atendimento para os nossos clientes, e com a ajuda do programa vamos melhorar ainda mais nossas empresas”.

Sendo o oitavo município a aderir ao programa, o Cidade Empreendedora será executado ao longo do segundo semestre de 2023 e do primeiro semestre de 2024, além de ser o maior volume em parceria no Amazonas. De acordo com o prefeito Keitton Wyllyson Pinheiro Batista, os empreendedores e a população da cidade será beneficiada com ações planejadas para o crescimento econômico do município.

“O programa Cidade Empreendedora vai trazer vários benefícios para mais de 5 mil empreendedores de pequeno e médio porte que existem no município, então isso nos deixa muito felizes porque vai impulsionar a economia para o município de Coari”, explica o prefeito.
“O Sebrae soma esforços com a Prefeitura para potencializar as atividades já executadas localmente e oferecer um suporte ainda mais eficaz aos empreendedores”, é o que explica José Antonio Cardoso Fonseca, gerente de Empreendedorismo no Interior do Sebrae/AM. Que também ressalta que a principal característica do programa é o mapeamento das demandas específicas da região, além da capacitação dos gestores, serviços e processos públicos.

Continua após a publicidade..

O programa representa uma oportunidade única para que o município alcance novos patamares de prosperidade e se consolide como um polo empreendedor na região, assim, mais de 100 atividades estão sendo previstas como capacitações para o empreendedorismo jovem, feira de empreendedorismo jovem e empreendedorismo feminino, consultoria e capacitação de recursos federais e privados para o esporte, atendimento ao cliente, formação de instrutores, cursos de gastronomia, compras governamentais, curso de higiene e manipulação de alimentos voltados para as merendeiras das escolas, curso para o incentivo a busca pelo primeiro emprego, curso de doces e salgados, oficina sobre como montar o seu negócio, transparência na administração pública, curso de controle interno e muito mais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



%d blogueiros gostam disto: