“…abre-se ao Amazonas uma grande oportunidade para a diversificação de negócios de TODOS os setores econômicos locais…” afirmou Antônio Silva/FIEAM

Continua após a publicidade..

Minha opinião:

A frase que está nesse artigo é, de fato, a que deve ser dita por todos os principais líderes empresarias do Amazonas. O presidente da FIEAM afirma que “...abre-se ao Amazonas uma grande oportunidade para a diversificação de negócios de TODOS os setores econômicos locais…”, onde nele está inserido o nosso AGRO que tem uma gigantesca capacidade de reduzir a pobreza que já bate a porta de 60% no Amazonas.

Continua após a publicidade..

De fato, não precisamos colocar na mesa de negociação a intocabilidade da floresta para manter os incentivos fiscais, o santuário como querem alguns doutores em clima e ambiente do governo e fora dele, já que existem uma farta lista de produções sustentáveis que alguns doutores do clima e ambiente continuam ignorando ao não visitar a EMBRAPA.

A única coisa que lamento quanto ao CBA, é que ex-governadores e ex-presidentes, levaram 21 anos para dar um CNPJ ao CBA. Agora temos o CNPJ, mas vejo que o banco alemão está dando mais dinheiro para a FAS operar a bioeconomia do que para o CBA. Em outra postagem, mostro e comparo os valores…isso tá errado!

Este artigo é do presidente da FIEAM, Antonio Silva, divulgado no Jornal ÀCRÍTICA.

Continua após a publicidade..

THOMAZ RURAL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



%d blogueiros gostam disto: