Projeto “Produz + Coari” é apresentado ao Sistema SEPROR

Continua após a publicidade..

O titular da Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), Petrucio Magalhães Júnior, juntamente com a diretora-presidente da Agência de Desenvolvimento Sustentável do Amazonas (ADS), Michelle Bessa, recebeu, na segunda-feira (19/06), o secretário de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente do município de Coari, Rodrigo Alves da Costa, que apresentou o Projeto Produz + Coari, cujo objetivo é promover o desenvolvimento sustentável das comunidades rurais no município por meio da construção de sete polos de desenvolvimento social e econômico sustentável.

O projeto está com lançamento previsto para o final do mês de julho, em data a ser definida em conjunto com o Sistema Sepror, que vai apoiar também a realização de um seminário sobre cadeias produtivas de desenvolvimento sustentável do setor primário na região, com a participação da Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado do Amazonas (Adaf), do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam) e da ADS.

Continua após a publicidade..

Para o secretário de Produção Rural do Amazonas, Petrucio Magalhães, o planejamento apresentado pela prefeitura de Coari é inovador, prevendo apoiar as cadeias produtivas de maior potencial e vocacionadas com as comunidades tradicionais.

“O governador Wilson Lima tem feito investimentos significativos para interiorizar o desenvolvimento econômico e desenvolver atividades produtivas sustentáveis, visando a geração de emprego e renda. O projeto da prefeitura de Coari vem ao encontro do que o Programa Agro Amazonas e o Plano Safra 2023/2024 preconizam”, disse.

Segundo Rodrigo Alves da Costa, o projeto Produz + Coari irá alcançar todas as sete calhas de rios no município, em 14 comunidades polo, para desenvolvimento do setor privado nas culturas de açaí, banana, cacau, pescado, entre outras. O documento apresentado ao Sistema Sepror prevê para Coari uma produção agrícola em larga escala para atender à demanda local e chegar à condição de exportador.

Continua após a publicidade..

“Nosso grande desafio é colocar em prática, e para isso precisamos do apoio do Governo do Estado e de parceiros do setor privado. E foi isso o que viemos fazer aqui junto ao secretário Petrucio, e saímos do encontro satisfeitos com o resultado que, em breve, será anunciado oficialmente, envolvendo todo o Sistema Sepror”, disse o secretário Rodrigo da Costa.

Destinado a alavancar o setor primário de Coari, município conhecido por ser produtor de gás e petróleo no Amazonas, mas que agora vê nova perspectiva de reforço na economia através de investimento na agricultura familiar, o projeto deverá ser implantado em comunidades nas calhas do Médio Solimões, Lago de Coari, Alto Solimões, Rio Copeá, Rios Codajás Mirim e Piorini, Baixo Solimões e Lago do Mamiá, alcançando cerca de 5.200 famílias.

FOTOS: Isaac Maia/Sepror

Continua após a publicidade..

Contato para a imprensa: Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror) Mayana Tomaz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



%d blogueiros gostam disto: