SEBRAE lança o CIDADE EMPREENDEDORA em São Gabriel da Cachoeira

Para fortalecer economia e cultura, São Gabriel da Cachoeira lança programa Cidade Empreendedora
Programa de impacto socioeconômico será realizado pela prefeitura local em parceria com o Sebrae Amazonas e projeta mais de 100 atividades no município

São Gabriel da Cachoeira, o terceiro maior município em extensão territorial do Amazonas, deu um passo importante em direção ao fortalecimento de sua economia e valorização da cultura local. Na manhã da quarta-feira, 24/05, no auditório do Centro Missionário Salesiano, a Prefeitura Municipal, em parceria com o Sebrae Amazonas, lançou o Cidade Empreendedora, um programa de impacto socioeconômico que promete transformar a região.
O lançamento do programa representa um marco para São Gabriel da Cachoeira, uma cidade que agora se mobiliza para valorizar sua cultura, fortalecer seus negócios e promover um desenvolvimento econômico sustentável.
“Isso é desenvolvimento, um sonho que o povo espera, através da nossa gestão e com o Sebrae dando essa oportunidade”, é assim que o prefeito Clóvis Moreira Saldanha comenta sobre a parceria entre a prefeitura e o Sebrae/AM.

De acordo com Saldanha, o Cidade Empreendedora amplia as possibilidades empreendedoras, que estima trazer benefícios duradouros para a região, impulsionando o empreendedorismo local e gerando novas oportunidades para todos os envolvidos.
“A expectativa para São Gabriel da Cachoeira, onde tem mais povos indígenas em nível nacional é muito importante para o século 21, onde várias famílias precisam de oportunidade”, explica o prefeito.
Sendo o segundo município a aderir ao programa, os desafios logísticos também foram levados em consideração. De acordo com o gerente da Unidade de Empreendedorismo do Sebrae/AM, José Antônio Cardoso Fonseca, a estratégia é envolver outras instituições para a execução do programa no município.
“É um desafio importante. São Gabriel existe uma logística diferenciada, mas com grandes potencialidades e com as necessidades que nós do Sebrae, com a expertise que temos, podemos trazer para a cidade, em parceria com a prefeitura e com as entidades, para buscar esse desenvolvimento que tanto se pretende para os municípios do Estado do Amazonas”, pontua o gerente.
A assinatura oficial de adesão ao programa marcou o início de uma série de ações que visam impulsionar os empreendimentos locais e destacar a riqueza cultural do município. A primeira etapa do programa consiste no diagnóstico dos empreendimentos, com o Sebrae na Sua Empresa. Onde, desde o dia 17 de maio, agentes de desenvolvimento têm visitado empresários locais, mapeando suas necessidades e oferecendo soluções para impulsionar seus negócios. Essa fase se estende até o dia 26/05.
Paralelamente ao diagnóstico, uma série de capacitações estão sendo oferecidas para os empreendedores, abordando os eixos de Inclusão Produtiva e Gestão Municipal. Entre os temas das capacitações estão Higiene e Manipulação de Alimentos, com aulas ministradas de 22/05 a 26/05; Curso para Mulheres Empreendedoras, programado para ocorrer de 29/05 a 02/06, e Compras Governamentais, também de 29/05 a 02/06.
Além dessas atividades, o programa planeja oferecer capacitações específicas, como pinturas faciais e corporais, Roda de Negócios do Festribal, Melhoramento de churrasquinho, Tecnologia do Pescado e Piscicultura Básica. Com essa abordagem abrangente, o Cidade Empreendedora busca fornecer conhecimentos práticos e relevantes para os empreendedores locais, capacitando-os para alavancar seus negócios.
Com um cronograma sendo planejado para realizar mais de 100 atividades até o final do ano, uma das ações visa impactar diretamente as comunidades tradicionais de São Gabriel da Cachoeira. Para o Superintendente substituto do Ministério da Agricultura e Pecuária do Amazonas, Vinícius Lopes, o programa está apresentando um leque de possibilidades para os empreendedores da região, entre eles as capacitações que visam retomar as atividades para a agricultura familiar e a pesca ornamental.
“A gente está tentando encontrar via o programa Cidade Empreendedora, uma forma de conectar inclusive a atuação do Ministério de Agricultura com a retomada da atividade produtiva de peixes ornamentais na região do alto rio negro, mais concentrada aqui no município de São Gabriel da Cachoeira e também a atividade de desenvolvimento da agricultura familiar, no sentindo que a gente precisa talvez encontrar formas de garantir a segurança alimentar e desenvolvimento sustentável para o município”, explica o superintendente.
Uma das características marcantes do programa é sua expansão para os distritos do município, levando suas ações para além dos limites urbanos. Está previsto nas ações do programa, em junho, as atividades que serão executadas junto às mulheres indígenas do distrito de Iauaretê, com o objetivo de oferecer oportunidades de desenvolvimento e fortalecimento de seus empreendimentos. Essa abordagem inclusiva e sensível às especificidades da região, considerando São Gabriel da Cachoeira como um dos municípios com maior presença indígena, é um dos pontos fundamentais do programa.

Participe do nosso grupo no Whatsapp e seja o primeiro a receber as notícias do blog ThomazRural!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Participe do nosso grupo no Whatsapp e seja o primeiro a receber as notícias do blog ThomazRural!


%d blogueiros gostam disto: