Cresce 48% a produção de ARROZ no Amazonas chegando a 12 mil toneladas, segundo a CONAB (comentário)

Continua após a publicidade..

Opinião do BLOG >

Um belo trabalho de dois excelente técnicos/analistas da Conab, Pedro Benício e Glenda Queiroz, que foram a campo e coletaram esses dados com ajuda de produtores e parceiros públicos e privados.

Continua após a publicidade..

Abaixo, tem o link com todo o trabalho feito no Brasil por guerreiros e competentes técnicos da minha querida CONAB. Hoje disputada por dois ministérios. Que bom! Sempre falei que a CONAB nunca acabaria, é uma empresa com gigantescos lucros SOCIAIS (se medirem como fez a Embrapa vão ter essa confirmação) e de informações valiosas para o AGRO FAMILIAR e EMPRESARIAL em todos os sentidos.

Hoje, de acordo com a planilha abaixo, vejo o nosso Amazonas com aumento de 48,1% na produção de arroz em casca. A imagem tirada pelos competentes técnicos acima, que tive o prazer de recebe-los quando entraram na Conab a pedido do superintendente Antonio Batista, meu querido Tonhão, é do cultivo de arroz no município de Canutama.

No Norte, nossa produção supera apenas o Acre e Amapá, bem abaixo de TO, RR e RO. Abaixo, destaco trecho que fala do ARROZ no Amazonas, que está no material divulgado nacionalmente.

Continua após a publicidade..

Nossa produtividade é fantástica, vejam os números.

Enfim, se a área ambiental resolver ajudar e não enrolar, como infelizmente e inaceitavelmente vem fazendo em 20 anos, talvez atendendo pleitos internacionais, e não ouvindo os governadores, temos condições de tirar as tecnologias que a EMBRAPA já tem, e que fica bem aqui na estrado que vai para Rio Preto da Eva, e levar ao interior através do nosso IDAM, SENAR (ATeG) e demais parceiros ligados à ATER.

Não existe combate a ilegalidade que tenha sucesso convivendo com a FOME e a POBREZA, somente com SOBERANIA e SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL, somente com o AGRO familiar e empresarial forte e com as tecnologias sustentáveis da EMBRAPA vamos levar VIDA ao interior. Não tem outro caminho, pois o modelo PIM/ZFM nunca chegou ao interior, nem emprega todo MUNDO e muito menos foi responsável em manter a floresta em pé, como disse hoje o deputado estadual Wilker Barreto. Quando o deputado entender um pouco mais sobre o setor agropecuário ele vai concordar comigo. Aliás, nota dez ao deputado pela homenagem prestada hoje aos 50 anos da EMBRAPA. Só lamento a presença de apenas UM parlamentar, e a ausência do IDAM. A EMBRAPA está acima de qualquer partido, de situação ou oposição, é a empresa reconhecida no mundo pela excelência nas pesquisas do AGRO.

Continua após a publicidade..

Nós precisamos saber separar essas coisas, afinal tem 58% de amazonenses que não sabem o que vão comer daqui a pouco.

THOMAZ RURAL

https://www.conab.gov.br/info-agro/safras

Continua após a publicidade..

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



%d blogueiros gostam disto: