Produtores questionaram, ADS e SEDUC tentaram explicar, mas ficaram muitas interrogações…

Continua após a publicidade..

Opinião do BLOG >

Os produtores rurais que puderam se pronunciar na Audiência Pública questionaram a falta de transparência da ADS no PREME e a lentidão da SEDUC na Chamada do PNAE (geral e indígena)

Continua após a publicidade..

A SEDUC disse que ainda está operando a chamada pública geral de 2021 (Lei 11.947/09), e nova chamada só para 2024, porque a de 2021 já está resolvendo.

Sem comentários, tudo errado...agindo para aumentar a pobreza e desperdício de alimento na área rural. A Chamada Pública para Indígenas está em elaboração, acho que falou em segundo semestre. Também sem comentários, já cansei de mostrar o caminho para isso andar, mas não querem.

A ADS, com relação a falta de transparência questionada em auditório lotado, disse que tudo é publicado no DOE. Mas pergunto: Quando? Depois de tudo definido? O blog está a disposição se quiser esclarecer. Tem celular no blog.

Continua após a publicidade..

A ADS disse que das 53 associações aptas no edital, já destinou quotas para 44 delas.

Quais?

Quanto para cada uma?

Continua após a publicidade..

Chamou essas associações para a distribuição? É recurso e programa público, acabaria com o disse me disse no setor. O BLOG está a disposição se quiser ser transparente mesmo;

A ADS disse que já tem quota para todas as 23 cooperativas aptas no Edital. Qual a cota de cada uma em valor financeiro?

Chamou essas cooperativas para debater essas cotas? É um instrumento sem licitação, justamente para permitir esse diálogo e transparência.

Continua após a publicidade..

Nesse caso, o espaço aqui está a disposição se quiser esclarecer.

Não vi comentário sobre o PAF por parte da ADS. Sei que não foi perguntado, mas tenho certeza que caberia na Audiência Pública.

A ADS disse que já está reformulando a LEI DO PREME, mas com quem está fazendo esse debate?

Também não vi comentário da ADS sobre as quotas para produtores individuais e agroindústrias privadas.

Sei que está no portal de transparência, mas seria interessante divulgar mais abertamente quanto está indo para comprar carnes, polpas e pescado e quem são esses fornecedores. Já vi alguns valores, sem sentido. É o produtor rural que está pedindo isso, eles foram claros na audiência pública.

Seria bom se a ADS comparasse quanto está indo para alguns produtores individuais/agroindústrias privadas x Grupos Formais. Seria muito interessante!

Acompanhei o governador Wilson Lima em 2018, antes da primeira vitória, conversei muito com ele sobre esses assuntos acima e ver como ainda está hoje me deixa triste, muito triste, mas jamais desistir. Não pode continuar do jeito que está, a imagem do governador está sendo prejudicada junto aos pequenos produtores, o Wilson não merece, sei de suas boas intenções, dos resgastes históricos e da proximidade do setor, precisa chamar a ADS para uma conversa URGENTE, não tá legal!

Por fim, parabenizar o Oseas, Hélio, Zuza e superintendente Claudia Sampaio, da OCB/SESCOOP-AM. Vocês mandaram o recado, fizeram a parte de vocês, agora é com a ADS e SEDUC.

Agora, um recado aos amigos produtores, conheço vários que estavam lá, vários me procuram. Vocês precisam dizer nessas audiências o que vocês sentem e sabem. Não podem se omitir, desse jeito vocês nunca vão resolver a demanda de vocês. Tem muita coisa que ouço de vocês que não foi falado, já chega! O programa e o recurso é público. Sei que vocês não falam por receio de retaliação. Não vai ter retaliação, vai ter solução, soltem a voz…

Este espaço está aberto para ADS e SEDUC

THOMAZ RURAL

2 thoughts on “Produtores questionaram, ADS e SEDUC tentaram explicar, mas ficaram muitas interrogações…

  • abril 25, 2023 em 12:45 am
    Permalink

    Mandou muito bem Thomaz. Alguém tem que ajudar os produtores individuais. Tenho acompanhado essa distribuição de recursos entre cooperativas e associações. O que estão fazendo é beneficiar em primeira mão àquelas que pertencem aos “amigos”. Os valores destinados são muito diferenciados. Dá para observar que algumas organizações são atendidas com valores muito altos enquanto outras, parece que são contemplados com valores ínfimos, só para não denunciarem.

    Resposta
  • abril 25, 2023 em 6:11 pm
    Permalink

    Como pode aseduc alegar que não conseguiu finalizar o processo de 2021, é muito incompetência, pois não estamos falando de nada novo, é um programa executado em todo o país, e essa equipe não consegue executar no quinto ano de governo, algo esta errado

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



%d blogueiros gostam disto: