É isso que queremos no interior (vídeo)

Com apoio da AFEAM, a Parintins Polpas vem comprando frutas, produzindo polpas e embalando no próprio município. Já tem pontos de vendas em Manaus, e breve em uma grande rede de supermercados da capital. As imagens mostram o envasamento da polpa do taperebá.

O Estado, via ADS, deveria ter dois PREME’s, um para produtores individuais, associações e cooperativas, outro para agroindústria local que, comprovadamente, compra a produção do Amazonas, e não de fora. Também tem que acabar com o PAF e aderir a legislação federal que já contemplaria os objetivos do governo estadual, e vai mais além.

Além disso, a ADS deveria ter um setor que fique “24 horas” buscando mercado nacional e internacional para o que aqui for produzido e não for adquirido pelas compras públicas. Ontem, por exemplo, recebi no blog um comprador de SP querendo nosso abacaxi.

Ainda assumir o PNAE da SEDUC.

Já faz tempo que defendo esse caminho, acho que mais de dez anos, mas nada até agora. Água mole em pedra dura…..

THOMAZ RURAL

Participe do nosso grupo no Whatsapp e seja o primeiro a receber as notícias do blog ThomazRural!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Participe do nosso grupo no Whatsapp e seja o primeiro a receber as notícias do blog ThomazRural!


%d blogueiros gostam disto: